sábado, 16 de abril de 2016

A VIDA FOI A MINHA ESCOLA



 A vida, nem sempre é fácil de viver
Já no ventre de minha mãe
Levei um murro no estomago;
passando  pela minha adolescência,
A guerra colonial…
Sou um cruzamento, céltico romano
Aprendi a viver, sofrer até á exaustão
Para não morrer.

A minha vinda ao mundo, adolescência.
A guerra colonial e a emigração,
Passando pela, a universidade Berlim...
foi para mim a grande lição de vida.
Aprendi a viver, e fazer cada dia um dia,
o meu paraíso.

Eu sou eu, sou para mim mesmo especial.
Sou diferente, mas também digo!
Não é fácil viver com alguém
que não nos compreende.
Porque veem doutra, família
Com uma outra experiencia
e, num outro patamar..

Luto para que eu seja feliz
Com, a pessoa que depois da guerra
Sofreu muito comigo.
A vida é uma escola!
A universidade de Berlim
Foi a minha escola!
Vivo a vida sem olhar para trás.
Porque não me quero esbarrar
com o passado, que ficou para atrás.

Entro todos os dias,
Para o meu interior
Ao encontro do meu único deus
Ele diz-me que no mundo
há muitas oportunidades…
O que é preciso é acordar…
E fazer das más
uma ocasião para evolucionar
no mundo que está há nossa volta e para além…


Sem comentários:

Enviar um comentário